Chinês é mantido preso pela família há mais de dez anos

Um chinês que reside em um vilarejo de Lijiachong (China), está há mais de dez anos acorrentado e preso numa espécie de gaiola por sua própria família. Aos 15 anos idade, Wu Yuanhong que hoje tem 42 anos, foi diagnosticado com esquizofrenia. Segundo a agência AFP, em 2001 ele agrediu até a morte um garoto de 13 anos.

chines-e-mantido-engaiolado-pela-familia-ha-mais-de-dez-anos-2

Wu foi preso, mas depois de um ano foi liberado por Autoridades judiciais da província de Jiangxi, que constataram que o chinês não era legalmente responsável por seus atos. A mãe de Wu tomou a decisão enérgica depois dele escapar e intimidar moradores do vilarejo. Agora, o chinês passa seus dias preso pelos tornozelos, só de camisa e cueca.

“Meu filho pode ser louco, mas ainda é meu filho. Usar minhas próprias mãos para colocá-lo em uma cela foi muito difícil, foi como ser apunhalada”, contou a mãe ao jornal “Information Daily”.

Comentários

comentários