Leoa amamenta pequena cria de leopardo, e surpreende os especialistas

É um acontecimento extremamente raro, e foi testemunhado na Tanzânia: uma leoa a tomar conta de um bebé leopardo que mal se consegue mexer.

Joop Van Der Linde, hóspede no Ndutu Safari Lodge, um lodge situado no parque natural de Ngorongoro, fotografou o momento e divulgou-o agora.

Nosikitok é o nome da leoa, com 5 anos, que usa um colar com sistema de GPS, criado pela Kope Lion, uma organização não-governamental que ajuda no combate à extinção de leoas em toda a Tanzânia. A jovem leoa tem, ainda, três bebés dela, nascidos em junho.

Luke Hunter, presidente da Conservation Officer for Panthera, uma organização mundial de conservação deste animal selvagem que apoia a Kope Lion contou à BBC que foi “um acontecimento único! É algo que nunca me apercebi que tenha algum dia acontecido entre animais selvagens como estes. Já houve casos em que leoas adotaram bebé de outras mães leoas, mas nunca de raças diferentes, é algo sem precedentes. O que normalmente acontece é que as leoas, quando veêm um bebé leopardo, matam-no por acharem que é outra raça que ameaça a vitória na cadeira alimentar.”

É um acontecimento extremamente raro, e foi testemunhado na Tanzânia: uma leoa a tomar conta de um bebé leopardo que mal se consegue mexer.

Joop Van Der Linde, hóspede no Ndutu Safari Lodge, um lodge situado no parque natural de Ngorongoro, fotografou o momento e divulgou-o agora.

Nosikitok é o nome da leoa, com 5 anos, que usa um colar com sistema de GPS, criado pela Kope Lion, uma organização não-governamental que ajuda no combate à extinção de leoas em toda a Tanzânia. A jovem leoa tem, ainda, três bebés dela, nascidos em junho.

Luke Hunter, presidente da Conservation Officer for Panthera, uma organização mundial de conservação deste animal selvagem que apoia a Kope Lion contou à BBC que foi “um acontecimento único! É algo que nunca me apercebi que tenha algum dia acontecido entre animais selvagens como estes. Já houve casos em que leoas adotaram bebé de outras mães leoas, mas nunca de raças diferentes, é algo sem precedentes. O que normalmente acontece é que as leoas, quando veêm um bebé leopardo, matam-no por acharem que é outra raça que ameaça a vitória na cadeira alimentar.”

Nosikitok estava a cerca de um quilómetro do lugar onde tinha as suas crias quando viu este leopardo bebé. “Ela encorajou esta pequena cria e tratou dela como se fosse um dos seus bebés. Ela, provavelmente, está com grandes mudanças hormonais e sente que tem de tratar deste bebe… Isso é algo fascinante nas leoas, são excelentes mães!”, acrescenta Luke Hunter.

Ainda não se percebeu onde está a mãe biológica do pequeno leopardo, nem se esta mãe leoa o vai adotar a tempo inteiro.

O especialista Luke Hunter revela que todos aguardam ansiosamente o final desta bonita história: “É algo e estamos em expectativa para ver como isto se desenvolve. Ainda no início da semana, se nos contassem que isto ia acontecer, não acreditaríamos… E aconteceu, de facto!”.

Comentários

comentários