Turistas deixam golfinho morrer após ser retirado do mar para tirar “selfies”

Turistas deixam golfinho morrer após ser retirado do mar para tirar “selfies”

turistas_deixam_golfinho_morrer_so_para_tirar_selfies_1

Um golfinho bebé foi morto a semana passada numa praia argentina, depois de uma multidão de banhistas ter passado o animal de mão em mão para tirar fotografias.

Tudo aconteceu quando um deles retirou o mamífero da água, para poder tirar uma “selfie”. A partir daí várias pessoas fizeram o mesmo, fazendo com que o animal andasse de mão em mão. A rápida desidratação fez com que o animal morresse pouco tempo depois.

Mesmo quando o pobre animal já estava morto, os banhistas continuaram a fotografar-se com o mamífero. Depois de todas as fotografias estarem tiradas, o golfinho foi deixado no areal.

O golfinho Franciscana – também conhecido como La Plata – é considerado uma espécie “vulnerável”, existindo apenas 30 mil golfinhos Franciscana em todo o mundo. Esta espécie só pode ser vista na costa marítima da Argentina, Uruguai e Brasil.

Mais uma prova que a estupidez humana não tem limites!

Comentários

comentários